fechar

Arte

AgendaArte

Farol Santander POA prorroga exposição Tarsila Para Crianças

Tarsila para Crianças_Créditos_Cláudio Verissimo_Poliedro Criativo (5)

Farol Santander Porto Alegre anuncia a prorrogação da exposição Tarsila para Crianças até 26 de setembro de 2021.  Após os primeiros meses de sucesso de público e crítica, a mostra aberta em 08 de junho, com a curadoria de Tarsila do Amaral (sobrinha-neta da artista), Karina Israel, Patricia Engel Secco e realização da YDreams Global e Cia de Cenário, amplia seu período de visitação na capital gaúcha.

Dividido em sete estações temáticas, com onze intervenções que exaltam a criatividade e o olhar de Tarsila do Amaral, a mostra retrata, por meio de um circuito de experiências imersivas, o imaginário de seres, cores e formas da pintora modernista Tarsila do Amaral. 

Na exposição, é possível passear por cenários oníricos de grande beleza e até mesmo interagir com as criações de Tarsila, que apresentam e transmitem o significado de suas obras sob a ótica do universo infantil, a partir de sentidos e sensações. Crianças e adultos podem realizar uma viagem entre diferentes dimensões do universo da pintora mais conhecida do Brasil.

Tarsila para Crianças é apresentada pelo Ministério do Turismo e Santander, com patrocínio via Lei de Incentivo à Cultura. Realização da Secretaria Especial da Cultura, Ministério do Turismo e Farol Santander Porto Alegre. 

Mais informações da exposição pelo link: https://marracomunica.com.br/farol-santander-porto-alegre-recebe-exposicao-tarsila-para-criancas/ 

Sobre o Farol Santander Porto Alegre

O Farol Santander Porto Alegre, centro de empreendedorismo, cultura e lazer completou dois anos em março de 2021. Neste período, recebeu sete exposições de artes visuais com artistas nacionais e internacionais e exibiu 15 programas especiais no Cine Farol Santander.

O histórico edifício no Centro da capital gaúcha, também possui o Espaço Memória, que traz a história da cidade, do prédio e da política monetária brasileira, além do Restaurante Moeda; todos concentrados no subsolo da instituição.

Vale também destacar a versatilidade com a dinâmica de eventos, que disponibiliza todos os espaços do Farol Santander para locação.

Serviço: Exposição Tarsila para Crianças – até 26/09

Farol Santander Porto Alegre 

Onde: Rua Sete de Setembro, 1028, Centro Histórico, Porto Alegre, RS

Site Farol Santander: farolsantander.com.br

Funcionamento: terça a domingo

Horários: 10h às 19h (terça a domingo)

Capacidade momentânea: 50% do público

Ingressos: R$ 15,00 (visitação completa ao Farol Santander) 

Vendas: https://site.bileto.sympla.com.br/farolsantanderpoa/ 

Crianças de até 2 anos e 11 meses não pagam ingresso. A partir dos 3 anos, pagam meia entrada e, a partir dos 12 anos, é necessária a apresentação de RG e carteirinha de estudante para o pagamento da meia.

Classificação: Livre

Acessibilidade: Rua Cassiano Nascimento – acesso lateral / toaletes e elevadores adaptados, rampas de acesso.

LEIA MAIS
Arte

Pelotas recebe exposição presencial ‘Linha de voo’, de Antônio Augusto Bueno e Bebeto Alves a partir de 9 de agosto

Linha de Voo #03 – crédito – Antônio Augusto Bueno e Bebeto Alves

Depois das exposições Voo da pedra (2019) e Plano de voo (2020), Antônio Augusto Bueno e Bebeto Alves apresentam o projeto Linha de voo. Assim como nos trabalhos autorais anteriores, os dois artistas visuais contemporâneos transitam entre diferentes linguagens das artes visuais para apresentar uma proposta híbrida. As obras gráficas têm como ícone a figura de um pássaro que sugere uma narrativa visual que aproxima e mescla a fotografia ao desenho num mesmo suporte.

Com curadoria de José Francisco Alves, a exposição presencial Linha de voo poderá ser visitada em Pelotas de 9 de agosto (segunda) a 4 de setembro (sábado), no Ágape Espaço de Arte Galeria JM. Moraes (Rua Anchieta, 4.480 – Centro). O trabalho pode ser conferido de segunda a sexta, das 10h às 12h e das 14h às 19h e sábados, das 13h às 17h. Quem visitar a exposição poderá retirar gratuitamente um exemplar do livro da mostra. Uma live de lançamento acontece antes, no dia 7 de agosto (sábado), às 18h, no Instagram @linhadevoo. A exposição também está online no site do Sesc.

O projeto tem financiamento do Pró-Cultura RS Fundo de Apoio à Cultura – FAC, do Governo do Estado do Rio Grande do Sul, com produção executiva da Stephanou Cultural. Mais informações no site linhadevoo.wixsite.com/linhadevoo, onde é possível baixar gratuitamente o livro dos artistas e conferir todas as informações sobre o projeto. As próximas cidades a receberem o projeto serão Porto Alegre, na Fundação Força e Luz em outubro, e São Leopoldo, em novembro, no Centro Cultural José Pedro Boessio.

O curador da mostra, José Francisco Alves, é professor do Atelier Livre Xico Stockinger, doutor e mestre em História da Arte e membro da AICA e ICOM. No texto curatorial, ele interpreta: “Para os artistas, este pássaro pode se resumir a uma forma de simbologia do tempo. O grafismo de Antônio em meio ao pássaro capturado por Bebeto é, em verdade, uma escrita sobre o tempo, e o sobre espaço na existência que ocupamos ao percorrer este tempo. O tempo que vivemos antes, agora e depois”.

Serviço

— > LINHA DE VOO | Atividade gratuita

Antônio Augusto Bueno e Bebeto Alves

Mostra presencial

Pelotas/RS

Período: 9 de agosto (seg) a 4 de setembro (sab) | Entrada franca

Visitação: de segunda a sexta, das 10h às 12h e das 14h às 19h, e sábados, das 13h às 17h

Endereço: Ágape Espaço de Arte – Galeria JM. Moraes | Rua Anchieta, 4.480 – Centro

Curadoria: José Francisco Alves

*Quem visitar a exposição presencial poderá retirar gratuitamente o livro Linha de voo

Mostra virtual 

— > Site do Sesc: sesc-rs.com.br/galeriavirtual/bebetoalves_antonioaugustobueno/

— > No site linhadevoo.wixsite.com/linhadevoo, é possível baixar gratuitamente o livro dos artistas e conferir todas as informações sobre o projeto.

 — > Acompanhe nas redes sociais: Instagram @linhadevoo | Facebook @projetolinhadevoo

LEIA MAIS
ArquiteturaArteLifestyle

Edição de Dia dos Pais da OPEN Feira de Design: um sábado de experiências de design para pais e filhos

Abistratto Design 4

OPEN Feira de Design, feira com foco nodesign do Sul do país e inspiração em movimentos criativos argentinos, acontece neste sábado, dia 07 de agosto, no Viva Open Mall (Nilo Peçanha, 3228). Com o conceito “Saber para além do fazer”,a feira lembra o legado deixado por nossos pais, o incentivo à criação, o carinho e o repertório que recebemos de nossos primeiros mestres. Mais do que opções criativas de presentes para o Dia dos Pais, a feira propõe um sábado de experiências, trazendo nesta edição uma Área Maker, espaço que vai mostrar o fazer de cada designer, com expositores convidados mostrando seu processo de criação manual ao vivo durante todo o evento, que também vai oferecer atividades para as crianças, capitaneadas pela Cia Lúdica. 

Aproximadamente 40 marcas expositoras nas áreas de mobiliário, decoração, moda, brinquedos e utilitários em geral participam da OPEN Edição de Dia dos Pais. A feira montou uma seleção especial para ajudar na escolha do presente perfeito, entre elas estão a Folksy, marca de moda dedicada a pais que amam música e cultura pop, Draken, com seu design de pranchas e outras peças em madeira para pais que adoram esportes marítimos, ou ainda acessórios para o pai urbano como as carteiras em couro da Dela Nora.

Como sempre, Camila Farina, curadora da feira, coloca seu olhar em inovações e entre as opções para pais que se ligam em decorar, ela destaca a novidade desta feira, o designer Igor Hideki Hatanda, de Ivoti, que em seu ateliê idealiza e desenvolve produtos em marcenaria e takezaiku. Com foco na qualidade japonesa na execução de suas peças – produzidas uma a uma – têm como características mais marcantes o uso da madeira e o bambu. Como opção sustentável, o designer tem estudado com atenção o uso do bambu e suas diferentes texturas. Ainda pioneiro no Brasil, inicia uma grande trajetória no compartilhamento da técnica com cursos que ministrará daqui para frente. “Acredito que o bambu será o material natural do futuro, por isso tenho aplicado suas possibilidades em várias peças que produzo usando a técnica japonesa conhecida como takezaiku”. O takezaiku consiste em extrair a casca externa do bambu e trançá-la de forma a criar padrões possibilitando a transformação tanto em utilitários como lindas obras de arte.

A feira apoia a sustentabilidade

Ecosacola da feira, produzida a partir de sacas de malte pela Agrária,poderá ser adquirida pelo valor de R $35,00 no lounge da feira e em expositores sinalizados, ou por R$15,00 nas compras acima de R$200,00 em um único expositor. A parceria com a Agrária busca incentivar o público a reduzir o consumo de embalagens. O valor é destinado a produção das sacolas pelo Coletivo Cós, de costura consciente. O coletivo dá formação e suporte a costureiras e prioriza o uso de matéria prima de reuso, estimulando processos e condições de trabalho mais humanas. 

 Convidado de Design

A cada edição a OPEN convida um profissional para criar a identidade visual da feira. Neste mês, o Convidado de Design é o designer gráfico e publicitário Cleiton Ferraz. Com mais de 20 anos de experiência em agências, estúdios de design, cinema e TV, Cleiton possui prêmios regionais e já atendeu clientes como Colcci, Casa Valduga, Grupo RBS, Unisinos, Grendene, SENAC-RS, entre outros.

Para a ilustração do cartaz da feira, Cleiton utilizou elementos geométricos básicos e cores vibrantes. “Meus filhos, Érico e Helena, com certeza foram minha inspiração para esse trabalho. Nele, quis passar uma ideia de família, conexão, abraço, segurança e conforto. Nem todos os dias são assim, isso seria utopia, mas cada beijo, abraço ou declaração de amor, compensam todos os conflitos”, diz o ilustrador.

Para as crianças

A feira prepara um dia especial para os pequenos curtirem com seus papais. A Cia Lúdica comanda atividades de brincar durante o sábado.

Sobre o evento:

A OPEN Feira de Design nasceu em 2015, quando Camila Farina, professora de cursos de Design em Porto Alegre e diretora da Agência Cultural Maria Cultura, decidiu usar seu networking para reunir o melhor do design local e regional (hoje também recebendo marcas nacionais em algumas edições). Sua ideia nasceu das viagens de estudos com os alunos a Buenos Aires, onde as feiras de design acontecem em cada esquina. O conceito “design independente” foi usado, desde então, para dar conta dessa produção não industrial de peças nas seguintes áreas: moda, mobiliário, decoração, brinquedos, utilitários em geral. 

A OPEN se destaca pela curadoria afinada de marcas expositoras com foco no designer independente e no incentivo a esse pequeno empresário, que junto da feira, trilha seu caminho para o desenvolvimento e crescimento. Pensar na OPEN é considerar conceitos como produção local, empreendedorismo criativo, design autoral e responsabilidade social e ecológica. A feira movimenta de 30 a 140  empreendedores locais por edição e proporciona um ambiente de convívio e lazer aos seus visitantes, sempre oferecendo conteúdos relevantes em oficinas, palestras, conferências e atividades para adultos e crianças. A proposta da feira é ser uma alternativa aos shoppings e lojas tradicionais, proporcionando contato com produtos de alta qualidade, produzidos no Brasil por pequenos empreendedores, buscando estimular e incentivar o consumo consciente e o contato direto com os designers e criadores. 

A OPEN traz em suas feiras um olhar sobre o design nacional através dos eventos e negócios da marca: Salone Review 2019, OPEN Tools, OPEN Select, OPEN Pop e OPEN Especial. Em função da Pandemia do COVID-19 e da consequente crise econômica que afetou diretamente o evento e seus expositores, a feira apostou em uma versão online configurada em um marketplace: a OPEN Design Store (opendesignstore.com.br). Nesse modelo, a feira já recebeu mais de 50 marcas.

A OPEN Feira de Design é realização de Maria Cultura e tem apoio do Viva Open Mall e DuJour Comunicação.

Sobre o Viva Open Mall

Combinando conveniência e bem-estar, a estrutura conta com um mix de lojas e serviços completos, além de um centro gastronômico irresistível. Um espaço feito para curtir o passeio em segurança, com ampla circulação de ar e protocolos adequados de prevenção à transmissão do COVID-19. O local conta com estacionamento próprio.

Serviço

O que – OPEN Feira de Design 

Onde – Viva Open Mall (Shopping a céu aberto localizado na Avenida Nilo Peçanha, 3228, Porto Alegre – RS. Próximo ao Parque Germânia)

Quando – Dia 07 de Agosto de 2021

Horário – Das 11h às 18h

Entrada franca – Pet friendly

Site OPEN: https://www.openfeiradesign.com/feira-dia-dos-pais-2021 

Instagram OPEN: https://www.instagram.com/open_feiradedesign/

A feira continua atenta aos cuidados para o controle do contágio do Covid-19, distanciamento entre os expositores e maior espaço para circulação do público. Permanece o uso obrigatório de máscara e álcool em gel disponível aos visitantes. 

LEIA MAIS
ArteMúsica

Show Zé Caradípia e Amigos

Fotos juntas – Show

O convite partiu dos produtores Carlos Caramez e Claudio Fagundes, da Cubo Filmes. O Show Zé Caradípia e Amigos, está marcado para o dia 27 de agosto de 2021, às 21 horas com transmissão ao vivo através de plataforma digital https://cuboplay.com.br/ze-caradipia-e-amigos, da produtora Cubo Filmes. O primeiro lote para o show virtual já está à disposição no valor de R$ 10,00. Os pagantes receberão um link adquirido especialmente para a ocasião e quem adquirir o ingresso terá a possibilidade de assistir no período de sete dias (caso perca o horário, ou tenha problema com a internet, ou outro motivo qualquer). 

No repertório com 12 músicas, ZE CARADÍPIA contará com os convidados: MARCIO CELLI em Casa de Madeira Morena e Sem Nome Ainda; GELSON OLIVEIRA em Jade Nova e Gato Selvagem; LOMA: Maré de Novembro e Tudo Ali; NELSON COELHO DE CASTRO: Coração Adormecido e Força D’Agua, e, com sua filha ELISA FURTADO nas canções  Curiquinha e o eterno sucesso Asa Morena. 

Músicos convidados:  

– Texo Cabral (flauta) 

– Daniel Castilhos (acordeão) 

Em um momento ainda de tantos cuidados em função da Pandemia do COVID 19, estamos organizando um show onde manteremos todos os protocolos exigidos quanto ao uso de máscara, álcool gel, higienização do estúdio para que tudo transcorra na maior segurança possível. 

Todos os artistas e técnicos presentes estarão com máscaras, fazendo uso do álcool gel e obedecendo ao distanciamento, respeitando o distanciamento obrigatório. 

Apoio: TVE/FM Cultura e Fundação ECARTA 

Acesse o link: https://cuboplay.com.br/ze-caradipia-e-amigos 

LEIA MAIS
Arte

Farol Santander Porto Alegre abre exposição Transversalidade do artista gaúcho Frantz

Expo Transversalidade_Creditos_Eduardo Aigner (6)

Farol Santander Porto Alegre,centro de cultura, empreendedorismo e lazer, exibe a partir de 27 de julho, a exposição Transversalidade, com 22 obras de Frantz, nunca antes exibidas. A mostra inédita tem curadoria de André Severo (coordenador geral do Farol Santander Porto Alegre)e, explora diferentes linguagens artísticas que se encontram no processo criativo e investigativo de Frantz em relação à pintura. A programação estará disponível ao público de 27 de julho a 31 de outubro.

Em Transversalidade, Frantz se apropria de pinturas, fotografias, páginas de livros e catálogos de arte para criar uma mostra densa e instigante, capaz de acionar as capacidades perceptivas, imaginativas e reflexivas do espectador, ao tornar híbridas as categorias da pintura e fotografia.

Variando entre registro pictórico (gênero ligado à pintura), apropriação e colagens, as obras apresentadas pelo artista nesta mostra subvertem as maneiras mais usuais em relação a como a fotografia é geralmente incorporada por pintores contemporâneos, construindo pontes entre a materialidade da pintura, a virtualidade das fotos e os significados contidos (ou escondidos) na imagem.

“A exposição de Frantz, intitulada Transversalidade, revela as investigações desse artista inquieto, que se autodenomina um pintor que não pinta e utiliza diversas vertentes para compor sua obra. Por meio de projetos como esse, que trazem grande impacto visual e reflexivo, o Farol Santander Porto Alegre fortalece sua missão de estimular a cultura e despertar a criatividade desse público cada vez mais dinâmico, imaginativo e plural”; afirma Patrícia Audi, vice-presidente executiva de Comunicação, Marketing, Relações Institucionais e Sustentabilidade do Santander Brasil.

A parceria inconsciente de outros artistas para realização do trabalho de Frantz é, sem dúvida, uma das características marcantes e curiosas de seu percurso. Natural de Rio Pardo (RS), o artista forra paredes e pisos de outros ateliês e estúdios por um longo período de tempo.

A partir das dinâmicas de trabalho destes outros nomes da arte e da ação natural do tempo sobre os ambientes, Frantz se apropria das imagens formadas por pingos de tintas, pisadas de sapatos, líquidos, pós e inúmeros outros elementos, que vão sendo depositados ao longo de anos. Após esse processo, a lona é retirada e Frantz inicia o recorte que dará origem às suas obras que, provenientes de distintos endereços, questionam a noção de autoria.

Protocolos de segurança e saúde

Para zelar pela segurança e saúde de seu público e funcionários, haverá medição de temperatura e tapetes sanitizantes e secantes para ingresso no prédio; será obrigatório o uso de máscaras; dispensers de álcool em gel estarão disponíveis em todos os andares do edifício e o ambiente também contará com sinalizações para que todos respeitem o distanciamento de 1,5 metro. O Farol ainda reforçou o serviço de limpeza e higienização de todo o prédio. A capacidade total de público neste momento está sendo controlada pelas equipes do Farol e se resume a, no máximo, 100 visitantes por hora.

Sobre Frantz

Frantz vem se dedicando às Artes Plásticas desde os anos 1980, conquistando inúmeros prêmios na área como o Prêmio Açorianos de Artes Plásticas do Rio Grande do Sul, o IX Salão Nacional de Artes Plásticas Palácio da Cultura Funarte Rio de Janeiro/RJ, com sua obra itinerando por vários Museus do País, o XLII Salão Paranaense Museu de Arte Contemporânea Curitiba/PR.  O artista possui obras em Acervos das principais instituições  do Estado, como a Fundação Vera Chaves Barcelos, o Museu de Arte do Rio Grande do Sul, o Museu de Arte Contemporânea do RS, entre outros. Natural de Rio Pardo (RS), vive e desenvolve seu trabalho artístico em Porto Alegre, capital gaúcha.

Sobre o Farol Santander Porto Alegre

O Farol Santander Porto Alegre, centro de empreendedorismo, cultura e lazer completou dois anos em março de 2021. Neste período, recebeu sete exposições de artes visuais com artistas nacionais e internacionais e exibiu 15 programas especiais no Cine Farol Santander.

O histórico edifício no Centro da capital gaúcha, também possui o Espaço Memória, que traz a história da cidade, do prédio e da política monetária brasileira, além do Restaurante Moeda; todos concentrados no subsolo da instituição.

Vale também destacar a versatilidade com a dinâmica de eventos, que disponibiliza todos os espaços do Farol Santander para locação.

Serviço exposição Transversalidade –  27/07 a 31/10

Farol Santander Porto Alegre

Onde: Rua Sete de Setembro, 1028, Centro Histórico, Porto Alegre, RS

Site Farol Santander: farolsantander.com.br

Funcionamento: terça a domingo

Horários: 10h às 19h (terça a domingo)

Capacidade momentânea: 50% do público

Ingressos: R$ 15,00 (visitação completa ao Farol Santander)

Vendas: https://site.bileto.sympla.com.br/farolsantanderpoa/

Crianças de até 2 anos e 11 meses não pagam ingresso. A partir dos 3 anos, pagam meia entrada e, a partir dos 12 anos, é necessária a apresentação de RG e carteirinha de estudante para o pagamento da meia.

Classificação: Livre

Acessibilidade: Rua Cassiano Nascimento – acesso lateral / toaletes e elevadores adaptados, rampas de acesso.

LEIA MAIS
Arte

Por entre lugares de desconforto, memória e identidade

4 Lembrança 2021 acrílica sobre tela

Depois dos sucessos de público Linhas Cruzadas e Revoage, que trouxeram mais de 1200 visitantes à Fundação Força e Luz, a terceira mostra da programação 2021 da instituição é Entre Lugares, de Pamela Zorn.

Com uma atmosfera que evidencia a potência e sensibilidade latente da artista visual e arte-educadora, Entre Lugares convida a olhar para si e para o outro em um reflexo de espelho. Como o texto de apresentação da mostra descreve “Entre Lugares é uma indagação”. Um estudo sobre sua própria identidade, memória, e as linhas tênues entre o que estabelecemos, carregamos e o imposto a nós.

Natural de Três Coroas, interior do Rio Grande do Sul, filha de mãe descendente de alemães e pai negro, Pâmela teve seu primeiro contato com a pintura – técnica principal de seu trabalho – através de sua avó, que é artesã. O elemento pictórico veio a se tornar uma ferramenta de investigação da realidade, ao mudar-se para Porto Alegre, com o objetivo de cursar Artes Visuais na Universidade Federal do Rio Grande do Sul. 

A pesquisa para Entre Lugares iniciou de um autorretrato em sangue menstrual feito para a mostra coletiva “Artistas Mulheres: Tensões e Reminiscências”, na Pinacoteca Ruben Berta. “Comecei a me questionar sobre identidade, como mulher negra de pele clara, filha de uma relação interracial”, explica.

A noção de pertencimento é provoacada tanto na autorrepresentação para discutir acerca do lugar do corpo mestiço/negro de pele clara no contexto social, como nas técnicas manipuladas pela artista: fotografia, desenho, e escrita subjetiva. “Também utilizei a leitura como inspiração, o livro Tornar-se Negro, de Neusa Santos Souza, é uma referência, e o Olho mais Azul, de Toni Morisson, é homenageado na obra principal dessa mostra, um políptico denominado “Esse solo é ruim para certos tipos de flores”, ressalta. 

Os caminhos de Zorn encontram os de Daniele Barbosa, pesquisadora, graduanda em História da Arte e curadora da exposição, por entre os espaços da UFRGS. “Quando me deparei pela primeira vez com o trabalho dela, fiquei impactada com a qualidade técnica. E o fato de falar sobre toda a questão da miscigenação no Brasil é algo que me atravessa profundamente”, destaca.

É notável o peso social que as investigações da artista trazem à tona. Elas também serão compartilhadas com o público através de ações como a oficina de pintura coletiva, cujos trabalhos resultantes serão anexados à obra principal, e áudios enviados pelo público, que ecoarão em um dos ambientes da mostra. “Pretendo com essa exposição trazer perguntas e não respostas. Mas, o que posso dizer que aprendi foi que investigar a mim e ao coletivo modificou meu olhar sobre mim mesma”, finaliza.

Abertura e visitação 

A mostra fica aberta à visitação de 03/08 a 04/09, de terças a sextas das 10h às 19h, e aos sábados das 11h às 18h. Para visitas mediadas, com a própria artista e curadora, é necessário a inscrição no formulário disponibilizado na bio do mesmo Instagram da instituição @cccev_cultura.

LEIA MAIS
Arte

LEILÃO BENEFICENTE COM OBRAS DE CLAUDIA TERUZ E HELOÍSA CROCCO

Heloísa Crocco e Claudia Teruz

Iniciou-se edição “Vênus” do Arte na Fonte (@arte_na_fonte). O evento reúne 24 obras exclusivas de 24 mulheres artistas que serão leiloadas através do Instagram da plataforma. Parte do lucro será doado ao Projeto Ninar, conhecido por assistir mães em situação de vulnerabilidade social durante a gestação e nos primeiros meses de maternidade.

Entre as obras, pinturas, ilustrações e esculturas de artistas do Rio Grande do Sul, São Paulo, Rio de Janeiro e Florianópolis. Com curadoria de Camila Seixas, estão confirmados nomes consagrados como a artista Claudia Teruz e Heloísa Crocco, além da atriz Louise D’Tuani, que há três anos se dedica à pintura e, pela primeira vez, participa do Arte na Fonte.

As obras de “Vênus” serão publicadas no Instagram e os lances poderão ser feitos através dos comentários da rede social. Cada obra fica três dias com lances abertos, sendo o mesmo encerrado por meio de uma live ao vivo no perfil.

O Arte na Fonte não tem lance inicial, ou seja, todas as obras que entram para leilão começam em zero reais, o que traz a possibilidade de qualquer pessoa participar. “É um presente dos artistas, para que todos possam interagir em prol da arte e da causa das mães que recebem as doações do Projeto Ninar”, afirma Marcio Regaleira, artista e fundador do Arte na Fonte.

Quanto às doações, serão as próprias artistas que irão decidir o valor a ser repassado. “Acreditamos que é importante todos serem beneficiados, ainda mais nesse momento difícil que vivemos. O que propomos é uma compra consciente, uma forma de acessar o mercado da arte de maneira amorosa e genuína. No Arte na Fonte, a ideia é que todos saiam ganhando”, pontua Rafael Meggetto, também artista e fundador da plataforma.

SOBRE HELOÍSA CROCCO

Formada em Desenho pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Heloísa Crocco trabalhou em tapeçaria com Elizabeth Rosenfeld, fez cursos com Tom Hudson do Cardiff’s College of Art of London em Porto Alegre, e Curso de Especialização em Suporte e Praxis – Artes Plásticas na PUCRS. Participou de exposições coletivas, salões e bienais na Alemanha, Áustria, Hungria, EUA, França, México, Uruguai e Brasil. Viajou pelo país na pesquisa das fibras, suas transformações e aplicações, principalmente em suas visitas à Floresta Amazônica e à Ilha do Sal, no Piauí. Na América Latina, em viagens à Colômbia, Venezuela, México, Peru e Uruguai, dedicou-se durante um período ao estudo das tramas, texturas e iconografia da arte pré-colombiana. Com a TOPOMORFOSE, pesquisa que desenvolve desde 1985, trabalha os anéis de crescimento da árvore com estudos do que a natureza revela com a cor, a textura e os desenhos. A partir de uma infinidade de matrizes/topo, trabalha aplicações e desdobramentos em coleções conceito. Muito de seu trabalho como artista e designer decorre de suas experiências de viagem, realizando importante trabalho com diferentes comunidades, no que diz respeito a sua revitalização e produção artesanal, sempre enfatizando a origem tradicional local.

SOBRE CLAUDIA TERUZ

Filha de Rogerio Teruz e neta de Orlando Teruz, um dos maiores nomes da arte brasileira em todos os tempos, ainda na juventude, apaixonou-se pelos elementos naturais, como as pedras em estado bruto, assim como pelo universo das artes sacra e barroca. Iniciou sua carreira como produtora de moda, trabalhando no Grupo Manchete e Jornal O Globo. Foi no ofício de joalheira, porém, que Claudia adquiriu a sensibilidade necessária para reinventar, com uma assinatura pessoal, através dos materiais preciosos in natura que serviram de matéria-prima para diversas coleções de joias. Sua atual coleção é fruto da vivência na arte de reinventar. Utilizando como suporte a ágata, variedade de quartzo que apresenta anéis concêntricos de várias cores, Claudia dedicou-se à pintura com tintas à base de esmalte e resina, transformando pedras brutas em verdadeiras joias na construção de sua plataforma criativa. 

SERVIÇO

VÊNUS @ ARTE NA FONTE

Quando: a partir de 16/07

O que: leilão pelo instagram @arte_na_fonte

Curadoria: Camila Seixas

Artistas:

. Amanda Nunes @crimespassionais

. Carolina Cunha @carolleitaocunha

. Carol Leal @carooleal

. Carol Lima @caroolima

. ClaudiaTeruz @teruz

. Claudia Tostes @claudiatostes_botanica

. Dadu Barbosa @dadubarbosa

. Eliza Macedo @space.sshit

. Heloísa Crocco @heloisacrocco

. Ieda Sant’ana

. Jess Vieira @jessvieira___

. Ju Angelino @ju_angelino

. Júlia mendes @juliamendes.art

. Kubra Manela @kubramanela

. Lídia Viber @lidiaviber

. Louise D’tuani @louisedtuani

. Lu fortes @forteslu

. Marcelle Tauchen @marcelle

. Mila Marques @arte_milamarques_

. Nina Fontenelle @ninafontenelle

. Raissa Jalkh @raissajalkh

. Renata Medeiros @renatamedeirosremedios

. Tay Barcelos @barcelostay

. Vivi Leitão @vivileitaoberge

LEIA MAIS
ArteNovidades

ARTISTA SANDRO KA MINISTRA OFICINA NA TERCEIRA SEMANA DO BS KIDS NO ARTE.LAB

Sandro_Ka_Crédito_Adriana_Marchiori-2

Neste sábado, dia 24, o BS Kids Arte.Lab crianças e adultos são convidados para construir, juntos, um mundo diferente. Conectar povos e lugares através da montagem de um grande quebra-cabeça. O processo criativo faz parte da oficina ‘Mundi’, ministrada pelo artista visual e pesquisador Sandro Ka, é o destaque da rica programação cultural. O laboratório, que ocorre no Átrio do Farol Santander (Av. Sete de Setembro, 1028), terá três horários neste sábado: 14h, 15h e 16h.

Usando materiais simples como tinta tempera guache, pincéis e papéis/plásticos e a imaginação será possível produzir as peças dos quebra-cabeças na oficina ‘Mundi’. A proposta visa aproximar fronteiras, criar encontros e conexões entre lugares e povos. “De modo interativo, a ação coletiva consiste na montagem de uma instalação formada por peças gigantes customizadas pelos participantes da oficina. De forma colaborativa, livre e aberta, por meio de encaixes e dos formatos das peças, com suas reentrâncias e saliências, o mapa vai se formando”, destaca o artista e ministrante da oficina Sandro Ka.

Podem participar do workshop em qualquer um dos horários crianças com idade entre 4 e 15 anos. As vagas são limitadas e os ingressos para as atividades podem ser adquiridos através do link: https://site.bileto.sympla.com.br/farolsantanderpoa/

Sobre Sandro Ka: O artista visual e pesquisador vive e trabalha em Porto Alegre. Ele é professor de Gestão e Produção Cultural (IFRS), doutor e mestre em Artes Visuais (PPGAV/UFRGS), especialista em Ética e Educação em Direitos Humanos (FACED/UFRGS), licenciado em Artes Visuais (Centro Universitário Claretiano) e bacharel em Artes Plásticas (IA/UFRGS). Desde 2003, realiza exposições individuais e participa de mostras coletivas em diversas cidades no Brasil e no exterior, desenvolvendo produções nos campos da escultura, do desenho, da instalação e da intervenção urbana. Premiado na área de Artes Visuais, possui obras em importantes acervos, como MARGS, MACRS, Pinacoteca Aldo Locatelli, Pinacoteca Barão de Santo Ângelo – IA/UFRGS e UFCSPA (Porto Alegre/RS), AMARP (Caxias do Sul/RS), MAVRS (Passo Fundo/RS), Fundação Vera Chaves Barcellos – FVCB (Viamão/RS) e Sesc Juazeiro (Juazeiro do Norte/CE).

Programação:

As oficinas e labs ocorrem aos sábados nos dias 24/07, 07/08, 21/08 e, a última, no dia 04/09. A programação conta com três atividades por dia. Confira abaixo a programação para este e os próximos sábados: 

24/07

14h às 14h30/ 15h às 15h30/ 16h às 16h30 – “Mundi”, com Sandro Ka

Resumo: De modo interativo, a ação coletiva consiste na montagem de uma instalação formada por peças gigantes de quebra-cabeça customizadas pelos participantes da oficina. A proposta é um grande mapa mundi que poderá ser montado e remontado permitindo aproximar fronteiras, criar encontros e conexões entre lugares, culturas, povos e formas de ver e estar no mundo.

O restante da programação será divulgado posteriormente pela coordenação criativa do BS Kids. 

ARTE.LAB

Um organismo físico e digital capaz de conectar e construir ideias inovadoras para fomentar o empreendedorismo criativo. O espaço físico dessa iniciativa é um workspace, e conta com ambiente multiuso para eventos, reuniões e ativações. Proporciona trabalhar literalmente dentro de um ambiente inspirador cercado por importantes obras de arte e no coração cultural de Porto Alegre.

BS KIDS

O BS Kids nasceu em 2019, em uma parceria entre o Iguatemi Porto Alegre e o BS Project, através de um evento inédito no país, o BS Kids Festival. O 1º festival de inovação totalmente voltado para crianças, buscou traduzir as grandes tendências tecnológicas e comportamentais para uma linguagem divertida e adequada para o público infantil. Em 2020 chegou a sua segunda edição, em um formato híbrido, os participantes tiveram acesso a uma série de conteúdos disponíveis na plataforma virtual do festival, divididos em três categorias: tecnologia e aprendizados; emoções e habilidades; arte e criatividade. No primeiro semestre de 2021, a fim de incentivar o consumo consciente da água, e incentivar o aprendizado e conhecimento sobre sustentabilidade, o BS Project, em parceria com a Corsan, lançou o BS Kids Futuro Sustentável, um evento 100% online e gratuito. 

SERVIÇO:

BS Kids Arte.Lab

terceira semana

Valores

Crianças: R$ 42,50 – incluso atividade + visita completa no Farol Santander Porto Alegre

Adulto: R$ 15,00 – visita completa no Farol Santander Porto Alegre

Onde comprar:

https://site.bileto.sympla.com.br/farolsantanderpoa/

Mais informações:

https://www.instagram.com/bskidsoficial/
LEIA MAIS
Arte

Exposição celebra os 25 anos de Gravura Galeria de Arte

Erico Santos-Vindima-80x110cm-Óleo sobre tela

A arte sempre foi uma manifestação de crise, de sentimento e de expressão. A Gravura Galeria de Arte, que completa em julho os seus 25 anos de trajetória, afirma com convicção que todos os artistas que mostram os seus talentos através de diferentes técnicas, contribuem para o nosso crescimento como seres humanos. Neste cenário atual de pandemia, a Galeria precisou passar pelo seu maior desafio: a reinvenção da programação, das formas de comunicação e de vendas. Isso tudo serviu para estimular ainda mais a criatividade dos profissionais e provocou também muitas reflexões. Para celebrar a arte e o desenvolvimento de seu trabalho, a Gravura vai realizar a partir de 08 de julho a exposição coletiva “25 anos de arte”.

A mostra contará com participação de 60 artistas e 12 homenageados (em memória), com visitação de segunda a sexta-feira, das 9h30 às 18h30 e nos sábados, das 9h30 às 13h30. O evento seguirá até o dia 31 de julho, seguindo todos os protocolos de saúde. Para adquirir as obras, acesse www.gravuragaleria.com.br.

Para a diretora da Gravura, Regina Galbinski Teitelbaum, os 25 anos de Galeria é apenas o começo da história. “O que gostaríamos mesmo é de estar fazendo uma grande festa, afinal temos motivos de sobra para comemorar”, afirma e pontua as suas maiores conquistas dos últimos tempos: Um dos projetos lançados durante a pandemia do Covid-19, para estimular os artistas a continuarem com o pensamento “tudo passa, a arte fica”, é o ConfinArt. Participaram 66 artistas na exposição virtual com fotos, vídeos e transmissões ao vivo pelas Redes Sociais. E, depois, se transformou em uma exposição física na Gravura. 

A Galeria sempre manteve um papel social beneficente. Geralmente, pelo menos uma exposição por ano tem parte da renda doada para alguma instituição. Desde 2020, a Gravura está fazendo doações de obras de arte para o trabalho dos Arquitetos Voluntários, que está criando espaços de descompressão para os profissionais da saúde nos hospitais. Neste ano, a AHMI (Associação dos amigos do Hospital Materno Infantil Presidente Vargas) também recebeu o apoio de um percentual de vendas.

Ainda em 2020, foi realizada parceria com a Arte Global Internacional que está levando os artistas da Gravura Galeria de Arte para o mundo. “Esperamos que com a reabertura das fronteiras o nosso sonho de ver a arte gaúcha bem representada fora do nosso país, se transforme em realidade na ExpoArt NYC, que será realizada em novembro de 2021”, adianta Regina.

Artistas da exposição “25 anos de arte”:

André Santos, Andreia Moll, Angela Ognibeni, Angela Zaffari, Benjamin Rothstein, Biba Mattos, Britto Velho, Clara Pechansky, Clara Serrano, Dirce Fett, Eduardo Vieira da Cunha, Ena Lautert, Erico Santos, Esther Bianco, Flávia Albuquerque, Graça Craidy, Graça Hund, Helena Beatriz Coelho, Helena Schwalbe, Ines Benetti, Ivan Pinheiro Machado, Jane Maria Santos, João Carlos Bento, Kika Herrmann, Larisa Scaravaglione, Lilia Sentinger Manfroi, Lorena Steiner, Magna Sperb, Marcelo Hübner, Marcia Marostega, Margarida Stein, Maria do Horto Bastos Kuhn, Maria Inês Rodrigues, Maria Luiza Cangeri, Mariana Sperotto, Marília Chartune, Marion Lunke, Mirian Garcia, Nara B. Sirostky, Ondina Pozoco, Rejane Karam, Renata Galbinski, Rodrigo Corrêa, Rosa Lops Susin, Rosali Plentz, Rosamaria Feltrin, Rosane Heck Theisen, Sandra Kravetz, Silvana Botter Maio Rocha, Silvia Azevedo, Silvia Brum, Susana Luft, Tânia Cauduro, Theo Felizzola, Vania Kwtiko, Velcy Soutier, Vera Maria Hemb Becker, Vera Reichert, Victor Hugo Porto, Vitoria Davoglio Ribas.

SERVIÇO:

Exposição “25 anos de Arte”

Data de abertura: 08 julho de 2021

Visitação: Até 31 de julho de 2021

De segunda a sexta das 9:30 às 18:30 e sábado das 9:30 às 13:30.

Local: Gravura Galeria de Arte (Rua Coronel Corte Real, 647 – Petrópolis)

Para adquirir as obras:

Presencialmente, pelo site www.grauragaleria.com.br ou (51) 3333-1946, Whats App (51) 99718-9258

LEIA MAIS
AgendaArteLifestyle

Coleção pessoal de Lou Borghetti vai à leilão com cerca de 370 lotes

Elizethe Borghetti – Coeur coragem – imagem reprodução

Na próxima semana, 20 e 21 de julho, cerca de 370 peças da coleção pessoal da artista visual Lou Borghetti vão a leilão. Entre os lotes oferecidos, uma variedade de esculturas, objetos de arte e decoração, quadros, tapetes, mobiliários e uma seleção de quadros pintados por ela. A venda acontecerá de forma virtual, a partir das 19h dos dias 20 e 21, através do link www.gasparottoleiloes.com.br. Os interessados já podem fazer lances nos lotes de sua preferência pelo site.

O evento será conduzido pelos leiloeiros Paulo Gasparotto e Norton Fernandes Filho. Além do leilão virtual, a residência da família da artista (R. Alfredo Schuett, 1000 – Chácara das Pedras) contará com uma exposição das peças a serem leiloadas. O acervo estará disponível para visitação entre os dias 17 e 20 de julho, sempre das 11h às 17h. Na ocasião, será possível adquirir através de venda direta algumas telas da artista, que não fazem parte dos lotes separados para o leilão.

Leilão de Arte e Antiguidades: Coleção pessoal Lou Borghetti

Leilão virtual: Terça-feira e quarta-feira, 20 e 21 de julho, às 19h.

Exposição presencial: De 17 a 20 de julho, das 11h às 17h.

Local: R. Alfredo Schuett, 1000 – Chácara das Pedras – Porto Alegre/RS.

Lotes disponíveis em: www.gasparottoleiloes.com.br

Mais informações: 3072.0050 / 98018.5545 / gasparottoleiloes@gmail.com

LEIA MAIS
1 2 3 4
Page 1do4